• Assessoria Informativa

Justiça do Rio aceita denúncia contra homem que atropelou 18 pessoas em Copacabana

A juíza Alessandra de Araújo Bilac, da 40ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio, aceitou a denúncia contra Antônio de Almeida Anaquim, que atropelou dezoito pessoas, matando duas, entre elas um bebê de oito meses. Ele vai responder por homicídio culposo (quando não há intenção de matar) e lesão corporal culposa. O acidente aconteceu em janeiro deste ano na Avenida Atlântica, Copacabana, zona sul do Rio. Além do bebê, o atropelamento também causou a morte do australiano Christopher John Gott, que estava no calçadão. “É certo que o denunciado agiu de forma negligente, eis que, a despeito de estar plenamente ciente de seu problemas neurológicos decorrentes do quadro clínico de epilepsia de que é portador, e estando em tratamento médico desde a adolescência para evitar os recorrentes ´apagões´, mesmo assim negou tal fato quando renovou de sua carteira de habilitação, deixando de se submeter a procedimento mais criteriosos no Detran”, escreveu a juízo na decisão que recebeu a denúncia. Antônio agora será citado e deverá apresentar sua defesa no prazo de dez dias após a citação. Proc. 0020963-94.2018.8.19.0001 

3 visualizações0 comentário

 Contato: (21) 3477-0177 • ©Copyright Esteves Advocacia 2015. Todos os direitos reservados.

  • Facebook Clean
  • Twitter Clean
  • Google+ Clean
  • LinkedIn Clean