Lei que obrigava venda de cachaças locais é considerada inconstitucional

23.04.2018

 

Notícia publicada pela Assessoria de Imprensa em 17/04/2018 11:31

 

O Órgão Especial do Tribunal de Justiça do Rio considerou inconstitucional a Lei Estadual nº 7.595/2017, que obrigava bares, restaurantes e hotéis que tivessem cardápio de bebidas destiladas a incluírem em suas vendas pelo menos quatro marcas de cachaça produzidas no estado.

 

Além da marca, a carta de bebidas deveria, ainda, conter a informação do município onde foi fabricada a bebida.

 

Os desembargadores, por unanimidade, consideraram que a lei afrontava a livre iniciativa e a liberdade econômica dos comerciantes.

 

As ações foram oferecidas pela Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Estado do Rio de Janeiro e pela Federação Nacional de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares (FNHRBS).

 

Proc. 0028499-96.2017.8.19.0000 e 0028762-31.2017.8.19.0000

SF/JM

 

Esta matéria tem caráter informativo, sem cunho oficial.
Permitida a reprodução mediante citação da fonte.

 

http://www.escritorioestevesadvocacia.com.br/

Fale por e-mail: contato@escritorioestevesadvocacia.com.br

Please reload

Destaques

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Recentes

21.09.2019

Please reload

Arquivo
Please reload

Busca por Tags