JUSTIÇA DECRETA PRISÃO DE ACUSADOS DA MORTE DE CORRETORA DE IMÓVEIS NA BARRA

17.08.2018


Notícia publicada por Assessoria de Imprensa do TJRJ em 16/08/2018 12:06


O juízo do Plantão Judiciário do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro decretou, na madrugada desta quinta-feira, dia 16, a prisão temporária por 30 dias de Pedro Paulo Barros Pereira Júnior e Paulo Maurício Barros Pereira, acusados do assassinato da corretora de imóveis Karina Garofalo Pereira, ocorrido na tarde de ontem na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio.

Eles são, respectivamente, o ex-marido da vítima e o primo dele Paulo Maurício. O pedido foi feito ao Plantão Judiciário pelo delegado da Delegacia de Homicídios.

O crime aconteceu por volta das 14h dessa quarta-feira na Av. Malibu, em frente ao nº 45. Karina e o filho adolescente voltavam de um almoço no Shopping Rio Design Barra quando um homem desembarcou de um carro e fez quatro disparos contra ela.

De acordo com o relatado no pedido de prisão, Paulo Maurício foi identificado como o autor dos disparos e quem dirigia o carro Renault Logan. Ainda conforme o relatório policial, Pedro Paulo e a vítima mantinham uma relação conturbada.

Na decisão, o juízo destacou que os investigados, em liberdade, poderiam vir a ocultar provas. “A medida também se impõe para propiciar o desenvolvimento das investigações inquisitoriais”, afirmou.



Processo nº 0193316-43.2018.8.19.0001
 

Please reload

Destaques

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Recentes

21.09.2019

Please reload

Arquivo
Please reload

Busca por Tags